Cedral: motorista sofre queimaduras graves ao fritar coxinha

Ferimento depois de atendimento no HB de Rio Preto. (Foto: Reprodução)

Em Cedral, motorista, de 45 anos, sofreu queimaduras graves na mão esquerda durante um acidente com uma frigideira que ele usava para fritar salgados. Caso foi registrado no Plantão Policial de Rio Preto, depois que G.L.S.F, deu entrada no Hospital de Base (HB). Daqui o motorista foi levado para o Hospital das Clínicas da USP em Ribeirão Preto, onde, segundo informações da família, deve receber enxerto.

Segundo relatos da irmã do motorista, O.S.L, de 60 anos, ele colocou a frigideira no fogo, pegou no sono e só acordou quando um vizinho bateu na porta para convidá-lo para o almoço. Foi aí então que o motorista percebeu que tinha esquecido a fritura e quando foi apagar o fogo a panela já estava em chamas.

Ao tentar conter o incêndio, ele foi atingido pelo fogo e teve a mão esquerda queimada. “Do posto de saúde de Cedral nós viemos para o HB e daí aqui os médicos falaram que precisaria ser encaminhado ao hospital especializado, então por questão de vaga ele foi para Ribeirão Preto”, conta a irmã. “Aparentemente está bem, consciente, aguardando mais informações, mas pelo que já adiantaram ele terá que fazer enxerto”, complementou.

Ainda segundo ela, apesar da gravidade, o motorista ainda teve sorte. “Ele colocou os salgados no fogo e dormiu. Se não fosse o vizinho chamando ele para almoçar, a casa poderia ter pegado fogo. Foi um anjo. Por Deus não aconteceu o pior”, finalizou.

Por Francela PINHEIRO

SEM COMENTÁRIOS