Catalá critica arbitragem após eliminação

O Mirassol se despediu do Campeonato Paulista neste domingo (2) após perder por um a zero para o Corinthians. Durante a partida, um lance gerou polêmica: a expulsão de Juninho. Aos 15 minutos do segundo tempo, o atacante do Leão foi dividir a bola com Carlos e acertou o lateral corinthiano. Após interferência do VAR, o árbitro optou por expulsar o jogador.

Para o técnico Ricardo Catalá, a expulsão foi o fator decisivo para eliminação do Mirassol. “Acho que a arbitragem como sempre erra quando se trata de clube de camisa. Nós tivemos um lance pior que esse no jogo do Corinthians contra o Red Bull Bragantino, que o Fagner não é expulso e o nosso atleta é. Então, acho que ela foi determinante para o resultado da partida. Nós fizemos um bom jogo, tudo aquilo que foi planejado foi cumprido e só tenho elogios por tudo jogadores fizeram durante a campanha”, comentou.

Dhoje Interior

O treinador ainda afirmou que o planejamento para a série D do Campeonato Brasileiro deverá começar nesta semana. “Esses jogadores, apesar de terem contrato com o clube, eu não sei se eles saem, se eles ficam ou se existe algum tipo de proposta”, afirmou.

Na série D, o Leão está no grupo 7 com Bangu, Cabofriense, Cascavel, Ferroviária, Nacional-PR, Portuguesa-RJ e Toledo. A estreia, por enquanto, está marcada para 19 de setembro, contra o Bangu.

Por Vinicius LIMA – redação Jornal DHoje Interior