Carille deixa o Corinthians e acerta com o Al-Wehda, da Arábia Saudita

Agora ex-técnico do Timão, Carille aceitou a proposta e deixará o clube após dois títulos paulistas e um brasileiro

Após longas negociações e irritação com o vazamento das notícias de que poderia deixar o Corinthians, o técnico Fábio Carille aceitou a proposta do Al-Wehda, da Arábia Saudita, e na noite desta terça-feira (22), comunicou sua saída do clube paulista.

A informação do acerto do treinador com o Al-Wehda foi divulgado no perfil do clube árabe no Twitter. O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, confirmou a informação ao Estado. O clube brasileiro divulgou uma nota sobre o assunto.

Carille já não dirige o time contra o Millonarios, da Colômbia, nesta quinta-feira (24), pela Copa Libertadores. O auxiliar Osmar Loss, cotado para substituí-lo em definitivo, é quem deve dirigir a equipe. Entretanto, o treinador ainda irá conversar com os diretores corintianos e pode pedir para comandar a equipe contra o Millonarios, para se despedir.

Com o acerto, Carille dá fim a uma sequência de fatos que fez com que ele se desgastasse no clube. Inicialmente, o treinador recebeu uma proposta do Al-Hilal e o vazamento da negociação o deixou bastante irritado.

No domingo, ele deu uma entrevista criticando a cobertura dos jornalistas em relação ao assunto e disse que a imprensa mente muito. Ele ainda garantiu que não havia recebido qualquer proposta e que, se chegasse alguma coisa, poderia pensar no assunto.

Confira a nota do Corinthians:

O Sport Club Corinthians Paulista informa que foi comunicado nesta terça-feira (22), as 20h10, que o técnico Fábio Carille aceitou a proposta do Al Wehda, da Arábia Saudita.

O clube agradece Fábio Carille pelos dez anos de serviços prestados desde auxiliar até treinador, pelos títulos conquistados e a todos os profissionais que se dedicaram neste período.

O auxiliar Osmar Loss comanda a equipe a partir desse momento tendo toda a estrutura de profissionais que trabalharão em prol do clube nessa sequência de temporada.

A diretoria do Corinthians acredita no apoio da torcida que sempre está com o time em qualquer ocasião.

Agência Estado

SEM COMENTÁRIOS