Câmara vota projeto que autoriza comércio na Redentora

Além da expansão do comércio na Redentora, vereadores vão apreciar mais cinco proposituras

A Câmara de Rio Preto realiza nesta terça-feira, dia 5, a 40ª sessão ordinária do ano. Os vereadores analisam seis propostas na pauta. A primeira é projeto de lei do Poder Executivo que dispõe sobre o funcionamento das atividades de bar, restaurante e estacionamento na Vila Redentora.

Outro projeto do Poder Executivo em primeira discussão abre no Orçamento Fiscal do Município um crédito adicional especial no valor de R$203.603,00, conforme convênio firmado com o Governo do Estado de São Paulo por meio do Detran.

Projeto de lei do vereador Jean Dornelas (PSL) em segunda discussão obriga o Poder Executivo a realizar anualmente inspeção e avaliação pontes, viadutos e passarelas em Rio Preto.

Também será votado o mérito de projeto do vereador Anderson Branco (PL) que institui e inclui no Calendário Oficial do município o ‘Dia de oração pelas autoridades de São José do Rio Preto’.

Outros dois projetos na pauta serão analisados quanto à legalidade: do vereador Jean Dornelas, que dispõe sobre a unificação das formas de pagamento dos loteamentos em distritos industriais e mini distritos, e do vereador Renato Pupo (PSD), que declara de utilidade pública a Associação Centro de Reintegração Viamor.

EXTRAORDINÁRIAS

O presidente Paulo Pauléra (PP) convocou para a próxima quinta-feira, dia 7, a partir das 9h, duas sessões extraordinárias para discussão e votação de projeto que corrige a matrícula da área que será permutada em troca da construção do hospital da Região Norte.
As sessões também terão transmissão ao vivo pela TV Câmara.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS