Cabeleireiro usava salão para vender drogas em Rio Preto

ARQUIVO/DELEGACIA - Duas mulheres, uma é policial, registrou um boletim de ocorrência.

Um cabeleireiro foi preso na madrugada de sábado (9), na Vila Toninho, em Rio Preto. Ele estava com 16 comprimidos de ecstasy no bolso.

Segundo o boletim de ocorrência, a denúncia anônima dizia que o cabeleireiro usava o salão como fachada para o comércio de drogas.

Ele foi abordado ainda no carro e durante a revista pessoal, os militares encontraram 16 comprimidos de ecstasy no bolso da bermuda. Em fiscalização pelo estabelecimento, foram encontrados mais três frascos de lança-perfume.

O acusado alegou que venderia a droga em uma casa noturna da cidade. O homem foi preso e as drogas encaminhadas para a perícia.

 

Da Redação

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS