Bloco do Vasco aposta em releituras de marchinhas para arrastar foliões

O Bloco do Vasco teve sua primeira edição em 2011 sob o nome de ‘Bloco do Xiquinho’, organizado por um pequeno grupo de pessoas que queriam reunir amigos e promover o encontro dos moradores do bairro Boa Vista.
A partir de 2012, já denominado Bloco do Vasco, começou a homenagear personalidades rio-pretenses e, desde então, o bloco vem dobrando de tamanho ano a ano, tornando-se um evento que faz parte do calendário da cidade e não mais só do Bairro Boa Vista.

Além do trio elétrico que percorre a Boa Vista tocando as tradicionais marchinhas carnavalescas, um palco é montado dentro do Centro Cultural para animar os foliões. Em 2018, duas novidades fizeram com que os foliões curtissem ainda mais a festa. A primeira foi o show ao vivo em Trio Elétrico, apresentando releituras das músicas carnavalescas. A segunda novidade foi a realização de dois dias de festa, chegando a atingir um público de aproximadamente 3 mil pessoas.

Em 2019, o Bloco do Vasco teve seu recorde de público, passando mais de 7 mil pessoas nos dois dias de festa. A sede e a rua São João ficaram tomadas pelo público que se divertiu e curtiu música de qualidade que agradou todas as idades.

O Bloco do Vasco é um evento aberto ao público, para todas as idades, que além das atrações musicais disponibiliza espaço reservado para as crianças com brincadeiras, oficinas de máscaras desenho e pintura facial, tudo acompanhado por monitores que ficam à disposição das crianças durante todo o tempo para a tranquilidade dos pais.

Em uma releitura dos antigos carnavais de rua, com marchinhas, muito confete e serpentina, os integrantes do Bloco percorrerão as ruas do bairro Boa Vista cantando, dançando e celebrando a vida para, enfim, coroar a festa com os milhares de foliões na Rua São João, onde será montado um palco para receber grandes artistas rio-pretenses: Zeca Barreto, João Liossi e Banda, Maestria do Samba, Bozó, Eli e Amigos, DJ Hárlen Félix, participação de As Chicas.

Neste ano, ‘nosso samba tá na rua’ em homenagem a Beth Carvalho, que faleceu em 2019. A Madrinha do Samba, como era conhecida, foi um grande ícone para os sambistas, defendeo democracia e liberdade.

“Ofereceremos o maior e o melhor Carnaval da cidade, com música de qualidade, segurança e muita diversão para todas as idades. Esperamos que os foliões divirtam-se”, destaca o coordenador do Centro Cultural e do Bloco, Douglas Sendem.

A animação será nos dias 23 e 24 de fevereiro, domingo e segunda de Carnaval, das 16h às 23h, na rua São João, nº 1840, no bairro Boa Vista. O Bloco é aberto ao público e contará com espaço para crianças, praça de alimentação com food trucks, ambiente familiar, segurança, muita folia, alegria e diversão.

Toda a renda arrecadada com o Bloco do Vasco é para a manutenção dos cursos e atividades promovidos pelo Centro Cultural Vasco, que oferece aulas de ballet, teatro e yoga, além de, pelo segundo ano consecutivo, atender 60 alunos no cursinho pré-vestibular, totalmente gratuito.

SERVIÇO
Para mais informações: Centro Cultural Vasco (17) 3363-1385, Douglas Sendem (17) 99604-1213 e Thiago Oliveira (17) 99702-5555.

 

Por Verônica MAESTRELLA