Black Friday chega e preços desagradam rio-pretenses

O comércio de Rio Preto começou a funcionar mais cedo nesta sexta-feira (23). Foi a Black Friday que motivou a mudança de horário. As lojas do calçadão abriram às 7h da manhã e vão ficar abertas até às 20h. A equipe do jornal DHoje compareceu ao centro para conferir o momento. Às 11h, a movimentação estava normal. Poucas lojas tinham um movimento significativo. A maioria contava com um atendimento pequeno.
As pessoas que se dispuseram a ir para o calçadão conferir as ofertas não ficaram muito contentes. É o caso de Andreza Perpétua, 41 anos, que já vinha pesquisando os preços dos produtos que gostaria de comprar. “Na verdade, eles não fazem promoção, pois semana passada estava o mesmo preço. Eles usam o nome, porque desconto de 70% é desconto de 70%. Quarta-feira, eu vim olhar os preços para vir hoje e é muito pouca a diferença”, comenta.
Sandra Regina dos Santos, 52 anos, estava junto com a Andreza e foi enfática ao discordas da Black Friday. “Eu acho que essa Black Friday é uma enganação, porque se vai dar desconto precisar ser a loja inteira e não algumas coisinhas. Os móveis mesmo estão com o mesmo preço. Tinha que ser desconto da loja inteiro ou de boa parte dela. Eu achei só um ventilador mais em conta”, reclama.
Cleber Ferreira, 40 anos, também foi conferir as promoções de Black Friday. No entanto, o técnico em eletrônica não ficou muito contente com os preços dos produtos. “A impressão que deu é que as coisas já estavam com uma margem de desconto maior e agora, na Black Friday, não conseguiram baixar muito. Então, está praticamente a mesma coisa. Alguma coisa estava bem mais em conta, mas a maioria não está compensando. O preço está praticamente o mesmo”, comenta.
Para quem quer conferir os preços dos produtos da Black Friday, o comércio de Rio Preto vai ficar aberto até às 20h.

Por Leandro BRITO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS