Baep apreende droga escondida dentro de banheiro de igreja

Um pintor de paredes, de 31 anos, foi preso por tráfico na tarde de quinta-feira (25), no bairro Anchieta, em Rio Preto. Ele guardava porções de cocaína na igreja em que o pai dele é pastor, além de dinheiro suspeito de ter origem da venda do entorpecente.

De acordo com o boletim de ocorrência, policiais do Baep (Batalhão de Ações Especiais de Polícia) tinham informações de que em uma casa do bairro Jardim Esplanada ocorria tráfico. Ao se aproximarem do local, o suspeito, que estava no portão da residência, rapidamente entrou no imóvel. Os policiais, então, acompanhados da mulher e do pai do pintor, revistaram a casa e nada de ilícito foi encontrado. Em revista pessoal ao suspeito, foi encontrada uma pequena porção de pó branco, aparentando ser cocaína, além de R$ 1.940.

Dhoje Interior

Aos policiais, o pintor confessou que estava vendendo drogas e que as guardava na igreja, na qual seu pai é pastor. Ele também indicou o nome do homem, para quem estava trabalhando, de quem a polícia já tinha informações do seu envolvimento com o tráfico.

A equipe do Baep, com apoio do canil da PM, apreendeu na igreja 14 porções maiores de cocaína, outras 48 menores da mesma droga, uma balança de precisão e R$3.527, em notas de diversos valores. A droga e o dinheiro estavam escondidos no forro do banheiro feminino do templo. O pintor alegou que guardava a droga para outro homem e informou a casa dele. Porém, ao chegar ao local, a PM encontrou a casa fechada.

Encaminhado à Central de Fragrantes, o pintor foi preso por tráfico, ficando à disposição da Justiça. Já o homem indicado por ele, será investigado pela Polícia Civil.

 

Por Tatiana PIRES – Redação Jornal DHoje Interior