Autônomo é preso ao agredir a mulher

Autônomo, de 29 anos, foi preso após agredir a mulher, uma professora, de 34 anos, na noite desta terça-feira (15), no bairro São Judas Tadeu, em Rio Preto.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, o casal iniciou uma briga, na versão do autônomo, porque a mulher estava mexendo em seu celular. Ele não gostou da atitude e ela começou a xingá-lo. Neste momento, o autônomo puxou o cabelo da professora. A vítima, por sua vez, contou que sofreu fortes puxões de cabelo. O casal declarou que não ter sofrido lesões.

Dhoje Interior

Encaminhados à Central de Flagrantes, a professora decidiu representar contra o companheiro e solicitou medida protetiva para que ele e também sua sogra ficassem impedidos de se aproximarem dela. O autônomo se negou a fazer qualquer declaração e também não assinou os documentos referentes ao flagrante.

O autônomo foi preso por injúria, ameaça e vias de fato em situação de violência doméstica e familiar contra a mulher. O delegado de plantão, , arbitrou fiança no valor de um salário mínimo e em razão de não ter sido paga, o agressor foi preso, permanecendo a disposição da justiça.

Tatiana PIRES – Redação Jornal DHoje Interior