ATENÇÃO: Rio Preto registra dois casos de febre amarela em macacos

Dois casos de Febre Amarela em macacos (saguis) foram confirmados em Rio Preto. Os animais foram encontrados nas áreas do bairro Jardim Maracanã, sendo que este já foi confirmado pelo Instituto Adolfo Lutz (IAL) e o outro foi encontrado no bairro Caic, com resultado preliminar positivo para a doença.

Diante desta confirmação de circulação do vírus da Febre Amarela em macacos no município, a Secretaria de Saúde está intensificando as ações de prevenção para população como controle do vetor Aedes aegypti (retirada de criadouros e nebulização) e vacinação, com postos para aplicação da vacina em moradores nos locais próximos onde foram encontrados os animais. “A gente precisa que a população também busque as medidas de prevenção que são indicadas, que no caso da febre amarela é a vacinação. Também é importante a eliminação de criadouros do mosquito”, afirmou a gerente de imunização de Rio Preto, Michela Barcellos.

Do período de 1998 a 2017, foram administradas 455.353 doses da vacina contra febre amarela. Em 2018, até o último dia 22, foram vacinadas 8.858 pessoas. Atualmente o estoque do município conta com 12 mil doses da vacina, que garante uma cobertura vacinal superior a 100% na cidade. “Como Rio Preto já está em uma área de recomendação há décadas, nós não usamos aqui a dose fracionada. Essa dose só está sendo utilizada em três estados, mas para alguns municípios. Em Rio Preto é a dose padrão e quem já tomou na vida uma dose da vacina está protegido e não existe mais indicação de reforço”, disse.
A gerente de imunização ressalta que os macacos não são os transmissores da doença e caso o munícipe encontre algum macaco morto ou doente o correto é informar a Polícia Ambiental ou a Secretaria de Saúde. “A gente tem encontrado muitos macacos com fraturas, mostrando que esses animais foram vítimas de maus tratos. Vale a pena lembrar que maltratar animal silvestre é crime e além de tudo é um equívoco, porque o macaco não transmite a doença para o ser humano”, destacou.

Vacinação
Neste sábado haverá dois postos de vacinação para facilitar o acesso aos moradores não vacinados. Um posto volante de vacinação da área do Jardim Maracanã será na Capela São Pedro (Rua Maria Del Carmen, nº 1.880), e outro, na Unidade do Caic/Cristo Rei, sendo que ambos funcionarão das 8h às 14h.
As contraindicações da vacina são: alergia grave a ovo, gravidez, imunodeprimidos ou pessoas em tratamento imunossupressor e mulheres amamentando crianças menores de 6 meses. Nos idosos, a vacina não é contraindicada, no entanto, pela possibilidade de eventos adversos é recomendado que um profissional de saúde faça avaliação de risco benefício.

Por Priscila CARVALHO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS