Apps de mensagens contribuem para melhora de vendas

Comerciante tem relação direta com consumidor (Foto Cláudio Lahos)

Os smartphones trouxeram inovações que são aplicadas pelas pessoas diariamente, seja para o trabalho ou lazer. Os mensageiros eletrônicos são softwares versáteis e ajudam na comunicação instantânea com ferramentas de fácil usabilidade e mobilidade. Não demorou até que os apps de mensagens ganhassem fins comerciais.

Para o economista Raphael Mantovani essa é uma tecnologia que ajuda desde grandes e pequenas empresas. “É um mecanismo que ajuda desde o vendedor de cachorro quente, até o vendedor de carros, sem falar que é gratuita. Boa parte das vendas hoje em dia é feita dessa maneira, além de estreitar os laços entre as partes envolvidas”, disse. O empresário Matheus Ribeiro, proprietário de uma loja de roupas masculinas, chamou a atenção para o interesse do cliente nesses serviços. “Em geral os próprios clientes é quem pede o nosso número de telefone, para que nós possamos enviar fotos e informações dos nossos produtos. Isso acontece o dia inteiro”.

Um dos mensageiros mais usados no mundo, o Whatsapp, conta com cerca de 120 milhões de usuários apenas no Brasil, o que corresponde a quase 70% da população do país. Com tantos adeptos e facilidade de uso, logo notaram que poderiam fazer uso dessa ferramenta e melhorarem suas vendas.

No Açaí da Praia, rede de restaurantes especializados em alimentação saudável, os aplicativos de mensagens são usados no agendamento do almoço. “O cliente nos chama, diz que prato vai comer e nós preparamos tudo enquanto ele ainda está no caminho, quando ele chega já está tudo pronto e ele não perde tempo”, explicou Eduardo Eugênio, diretor de franquia da marca.

Os aplicativos de mensagem também ajudam os comerciantes a fidelizar seu cliente. “É engraçado, porque de tantas mensagens que trocamos, acabamos ficando amigos. Esse tipo de app melhorou muito a nossa relação com o cliente, além de ajudar muito a vender”, conclui Karla Repizo, da Via Eros Calçados.

 

Alison Moura

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS