Alunos do Philadelpho prestam consultoria gratuita sobre Imposto de Renda

imposto de renda - Alunos e professores prestam consultoria

Após dois sábados, alunos e professores da Etec Philadelpho Gouvêa Netto já prestarem consultoria gratuita no preenchimento do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2018, para 78 pessoas que foram até a escola. Agora, no próximo sábado, dia 14, das 9h às 12h, será a última oportunidade para quem quiser fazer uma declaração simples ou tirar dúvidas sobre o IRPF, como explica o diretor da Etec, Willians Pizolato.

“Já tivemos dois sábados de orientações. São professores acompanhando os alunos de administração, contabilidade e finanças, que auxiliam em relação a confecção da declaração do imposto de renda. Para esse próximo sábado depende da declaração que for feita. Se for uma mais simples, ou apenas para tirar dúvidas vamos conseguir atender”, afirmou o diretor.

No total, 20 alunos e quatro professores realizam o atendimento no Laboratório de Informática da escola. O projeto, que aconteceu pela primeira vez, segundo o diretor foi muito produtivo para os alunos e deve continuar no próximo ano.

“Foi muito interessante realizar esse projeto. Além de fornecer serviços para a sociedade, de forma gratuita e ainda ver as pessoas satisfeitas, para os alunos foi interessante. Eles puderam auxiliar nas peculiaridades da maneira real de executar o trabalho”, explicou Pizolato.

No próximo sábado, quem for até a escola fazer sua consulta do imposto de renda pode fazer a doação de um quilo de alimento não perecível, que será doado para o Hospital Bezerra de Menezes.

Os interessados devem levar comprovantes de rendimentos do ano-calendário 2017, declaração anterior com recibo de entrega (se houver), número do RG, CPF e título de eleitor, endereço residencial, dados da conta bancária para restituição e comprovantes de despesas que possam ser abatidas (consultas médicas, exames clínicos, mensalidades escolares, contribuição para previdência privada, entre outros). Mais informações sobre a declaração podem ser obtidas no site da Receita Federal.

 

Por Marcelo Schaffauser

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS