Agentes do CPP apreendem 16 celulares e 28 fones de ouvido

Os detentos que não retornaram à penitenciária no prazo estipulado são considerados foragidos da Justiça

Dois reeducandos do CPP (Centro de Progressão Penitenciária), que voltavam do trabalho externo, foram surpreendidos por agentes, por volta das 18h25 desta segunda-feira, tentando entrar com 16 celulares e 28 fones de ouvido.

Os funcionários do presídio de regime semiaberto desconfiaram do comportamento dos detentos, quando eles passaram pela portaria. Os telefones e acessórios foram apreendidos e apresentados na Central de Flagrantes de Rio Preto.

Daniele JAMMAL

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS