Advogado de Rio Preto condenado por trafico de drogas é preso no MS

O advogado rio-pretense estava exercendo a profissão no Mato Grosso do Sul mesmo com o registro cancelado (Foto: Cadastro de Advogados / OAB)

Um advogado de Rio Preto, condenado por tráfico de drogas, foi preso na manhã desta terça-feira, dia 15, em Diamantino, no Mato Grosso do Sul.

De acordo com a Polícia Civil, Anderson Rossignoli Ribeiro foi acusado depois de ter levado quatro papelotes de cocaína para um cliente, que estava detido na carceragem da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Rio Preto.

Dhoje Interior

Os carcereiros teriam desconfiado do advogado após uma conversa dele com o cliente. Em uma revista, foram encontradas 2,7 gramas de cloridrato de cocaína na cueca do cliente dele, Valdirlei dos Santos. O caso foi em 2012.

Os policiais chegaram até ele após investigados da DIG de Rio Preto descobrir que o advogado estava morando no estado do Mato Grosso do Sul e exercendo a profissão, mesmo o seu registro no Cadastro Nacional dos Advogados ter sido cancelado.

Anderson foi condenado em outubro de 2015 pela 2ª Vara Criminal de Rio Preto a seis anos e meio de prisão por tráfico de drogas. Ele chegou a recorrer da decisão em liberdade, mas foi condenado em segunda instância.

Em julho deste ano, foi expedido pela Justiça um mandado de prisão contra ele. Mesmo tendo sido detido no Mato Grosso do Sul, o advogado será transferido para um presídio da região de Rio Preto.

Vinicius LOPES