A celulite está com os dias contados

Celulite - Novo procedimento é um método não invasivo

A celulite é um incômodo que afeta diversas mulheres, desde as mais magrinhas até as mais cheinhas. Muitas procuram as clínicas de estética em busca de um tratamento eficaz e duradouro que consiga resolver de uma vez por todas esse incômodo. Com isso, após um estudo, Rio Preto será uma das cidades que oferecerão um novo tratamento no combate a este pesadelo feminino.

A Belledevi é uma das primeiras clínicas no país a lançar neste mês o Bottoms UP, que é um programa exclusivo para combater e reduzir a celulite, com resultados reais e duradouros. Neste tratamento são utilizadas tecnologias de última geração que aliadas podem deixar a pele mais firme e uniforme.

“É um programa diferenciado porque a gente une as tecnologias e consegue ir mais profundo no tratamento, porque a celulite é multifatorial. A gente associa de duas a três tecnologias, conseguindo um resultado muito superior do que conseguia antes com os outros tratamentos”, afirmou a dermatologista Camila França Motta.

A celulite é uma alteração causada pelo acúmulo de gordura, água e toxinas nas células, fazendo com que essas células fiquem cheias e endurecidas, deixando o local com desníveis (ondulações e retrações) e nódulos, que se manifesta externamente através dos furinhos indesejados ou também pela conhecida “casca de laranja”.

O Bottoms UP atua favorecendo a liberação das fibroses e aderências características da celulite. Com o procedimento, os depósitos de gordura são rompidos, aumentando a permeabilidade celular local e estimulando o processo de regeneração das fibras de colágeno e elastina do tecido subcutâneo. “A celulite é uma das queixas mais frequentes em consultório”, destacou a dermatologista.

O novo procedimento é um método não invasivo, que pode apresentar resultados em apenas oito sessões, além de não precisar de tempo de recuperação. Uma das vantagens é que mesmo após meses do tratamento, as pacientes ainda podem apresentar resultados significativos.

Desde os 20 anos a comerciante Luciane Freitas, 42, se preocupa com a celulite, sendo adepta dos tratamentos estéticos. “A parte interna do braço é onde me incomoda a celulite. Esse novo procedimento tem que vir para ser um aliado, porque eu também estou malhando bastante. Espero que seja um bom investimento e dê o resultado esperado”, finalizou.

Por Priscila CARVALHO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS